Cornélio Fudge

Cornélio Fudge é o Ministro da Magia. Ele frequentemente pede conselhos ao Professor Dumbledore.

Traduzido por: Marina Anderi em 28/10/2011.
Revisado por: Isadora Moraes em 28/10/2011.
Postado por: Daniel Mählmann em 28/10/2011.

Harry Potter e a Câmara Secreta

Capítulo 14

Fudge está desesperado para parecer que está fazendo algo em relação aos ataques aos nascidos-trouxas em Hogwarts. Embora ele geralmente se baseie no conselho do Professor Dumbledore, Fudge ignora os protestos do diretor e manda Hagrid para Azkaban como medida de precaução.

Traduzido por: Gabriel Guimarães em 01/11/2012.
Revisado por: Junior Campelo em 01/11/2012.
Postado por: Daniel Mählmann em 07/11/2012.

Harry Potter e o Prisioneiro de Azkaban

Capítulo 03

Cornélio Fudge, o Ministro da Magia, está esperando por Harry à entrada do Caldeirão Furado quando o Nôitibus chega. Fudge, um homenzinho gorducho vestido em um casos sobretudo risca de giz, leva Harry até um pequeno espaço dentro do pub e explica que dois membros do Departamento de Reversão de Feitiços Acidentais esvaziaram a inflada Tia Guida e alteraram sua memória. Fudge conta a Harry que sua tia e seu tio ainda estão bravos, mas que vão deixá-lo voltar à Rua dos Alfeneiros no verão. Para a surpresa de Harry, Fudge descarta a ideia de ele ser punido por ter inflado sua tia, e organiza para que Harry fique no Caldeirão Furado pelos dias restantes das férias com a condição de que ele não irá sair para a Londres dos trouxas. Para o desapontamento de Harry, Fudge se recusa a assinar a permissão para Hogsmeade no lugar dos pais ou responsáveis de Harry.

Traduzido por: Danilo Chalita em 26/12/2012.
Revisado por: Marina Anderi em 27/12/2012.
Postado por: Daniel Mählmann em 27/12/2012.

Capítulo 10

Fudge entra no Três vassouras imerso em uma conversa com Hagrid. Quando questionado por Madame Rosmerta, ele admite que está em Hogsmeade para ajudar a lidar com a questão do Sirius Black. Ele acredita que Black ainda está na área, e defende a presença dos dementadores devido a isso. Ele explica à Rosmerta que Black foi o responsável pela morte de Lílian e Tiago Potter. De acordo com Fudge, Sirius esteve secretamente passando informações para Voldemort, mas estava pronto para declarar sua lealdade publicamente. Pouco depois de uma semana que o Feitiço Fidelius foi executado, Black entregou os Potter para Voldemort. Quando Voldemort caiu, Black começou a fugir. Ele foi encontrado por Pedro Pettigrew, quem o confrontou; Black explodiu Pettigrew em pedaços na frente de uma multidão de testemunhas trouxas. Fudge acredita que mesmo que a derrota de Voldemort tenha perturbado Black por um tempo, ele não está louco de verdade. Fudge estava nervoso com o quanto Black parecia normal quando o visitou em Azkaban. Fudge é evasivo quanto o plano de Black ser o de se juntar novamente a Voldemort, mas fica horrorizado com esta possibilidade.

Traduzido por: Dimitri Manaroulas em 19/04/2013.
Revisado por: Bruna Lopes em 20/04/2013.
Postado por: Daniel Mählmann em 28/04/2013.

Capítulo 16

Fudge anda ao lado de Dumbledore enquanto o comitê vai em direção à cabana de Hagrid para a execução de Bicuço.

Traduzido por: Orley Lima em 18/08/2013.
Revisado por: Aline Michel em 19/08/2013.
Postado por: Daniel Mählmann em 30/08/2013.

Capítulo 21

Fudge está conversando com o Professor Snape no corredor do lado de fora da ala hospitalar, ouvindo com interesse o que ocorrera na Casa dos Gritos. Ele diz a Snape que ele deveria ser condecorado com a Ordem de Merlin Segunda Classe por sua ajuda na captura de Sirius; talvez até a Primeira Classe, caso Fudge consiga.

Fudge não leva a sério as reivindicações de Harry pela inocência de Sirius, e acredita que ele ainda esteja confuso devido ao seu transe. Ele fica assustado com a atitude de Snape para com Harry e Hermione, e não gosta quando Snape grita com Hermione. Fudge sai da ala hospitalar para se encontrar com os Dementadores. Ele diz a Dumbledore que o encontraria no andar de cima, e deixa o aposento com Snape.

Depois de ter entrado na cabana de Hagrid, Fudge informa Hagrid que precisa ler a notificação oficial de execução para ele. Ele diz a Macnair que ele também precisa ouvir, antes de prosseguir lendo em voz alta. Fudge descobre que Bicuço escapou junto com o resto do comitê. Ele caminha de volta ao castelo com os outros homens logo após Harry, Hermione e Bichento entrarem no túnel na base do Salgueiro Lutador.

Traduzido por: Danilo Chalita em 25/08/2013.
Revisado por: Aline Michel em 29/08/2013.
Postado por: Daniel Mählmann em 30/08/2013.

Capítulo 22

Quando Fudge descobre que Sirius escapou, ele se preocupa com o que o Profeta diário irá publicar sobre a falha da captura. Ele está apreensivo se eles irão descobrir sobre a fuga de Bicuço também. O que gerará uma grande chacota do Ministro da Magia. Ele diz à Dumbledore que os Dementadores serão removidos da escola e fica chocado que eles tenham tentado dar o Beijo do Dementador em um aluno da escola. Ele sai da enfermaria com Dumbledore, preparando a notificação ao Ministério dos fatos.

Fudge é convencido por Dumbledore que Lupin estava tentando salvar Harry, Rony e Hermione e fica satisfeito que Lupin não tenha ajudado Sirius no castelo.

Traduzido por: Danilo Chalita em 29/08/2013.
Revisado por: Camila Guedes em 02/09/2013.
Postado por: Daniel Mählmann em 06/09/2013.

Harry Potter e o Cálice de Fogo

Capítulo 08

Fudge chega ao camarote da Copa Mundial de Quadribol depois dos Weasley, Harry e Hermione. Ele cumprimenta Harry como um velho amigo, apertando suas mãos de uma maneira paternal e perguntando como ele está. Ele apresenta Harry ao Ministro da Magia búlgaro, falando em voz alta enquanto tenta fazer com que o Ministro o entenda, apesar de parecer que o Ministro búlgaro não fala inglês. Ele diz a Harry que tem dificuldade com línguas, e está tendo problemas para comunicar-se com o bruxo búlgaro. Fudge cumprimenta a família Malfoy quando eles chegam ao camarote, e parece não saber da rivalidade entre Arthur e Lúcio.

Fudge fica ofendido quando percebe depois da partida que o Ministro da Magia búlgaro fala inglês, e fica irritado que o Ministro o tenha deixado fazer mímicas o dia inteiro. Fudge, ainda parecendo descontente, recebe o troféu da Copa Mundial de Quadribol quando ele é trazido para o camarote; ele cumprimenta com um aperto de mão os jogadores de Quadribol búlgaros, e depois entrega o troféu para o time de Quadribol irlandês.

Traduzido por: Aline Michel em 21/10/2013.
Revisado por: Mari Trevisan em 30/10/2013.
Postado por: Daniel Mählmann em 16/01/2014.